salmão com espargos assados

Cada vez mais conscientes da importância do ómega-3 na nossa alimentação, o salmão tem vindo a ganhar um lugar de destaque nos nossos pratos. Assim, além de um alimento cheio de ómega-3 e proteína, também temos um alimentos cheio de sabor nos nossos pratos. E é nesse sentido, que trazemos para você uma receita de salmão com espargos assados que espero que você goste tanto quanto eu! 

Ingredientes para o salmão com espargos assados

  • 250g aprox. de filetes de salmão
  • 300g de batata nova
  • 1/2 cebola grande
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • 3 dentes de alho finamente picados
  • 8 espargos cortadas ao meio
  • 2 punhados de tomates-cereja
  • 1 limão(sumo)
  • Sal e pimenta a gosto
  • Folhas de manjericão

Preparação

Em primeiro lugar, comece por aquecer o forno a 220 ° C.

Depois, coloque as batatas e adicione 1 colher de sopa de azeite em uma assadeira. Asse por 20 minutos ou até começar a dourar. 

Em seguida, misture os espargos com as batatas e as cebolas cortadas em Juliana, e retorne ao forno por mais 15 minutos.

Adicione o tomate cereja e deixe marinar o salmão com o sumo de limão, alho e uma pitada de sal e pimenta (ao gosto). Coloque o salmão entre os legumes. 

Adicione o azeite restante e coloque-o novamente no forno por cerca de 10 a 15 minutos finais ou até que o salmão esteja bem cozido.

Por fim, espalhe as folhas de manjericão e já esta!

Uma refeição carregada tanto de sabor, como de alimentos saudáveis e nutrientes alimentam de verdade o teu corpo!

Um pequeno aviso

Para quem viu a receita de Hambúrguer de camarão e salmão com molho picante, o que venho aqui e agora falar já não é nenhuma novidade.

Atualmente, temos salmão (como qualquer outro peixe) de aquacultura, da mesma forma que temos o mesmo peixe apanhado no mar.

O problema desse tipo de criação, é que o animal não é alimentado como devia, além de crescer em águas cheias de medicamentos e hormonas.

Isto acontece no sentido de aumentar mais os lucros das empresas, a custo da saúde dos seus compradores.

Apesar de um pouco mais caro, o salmão de mar vai-lhe proporcionar muitos mais nutrientes. Enquanto que o salmão de mar é rico em omega-3, o de aquacultura, é rico em corantes! E isso não é nada bom para o corpo.

Já não falando sequer, de os efeitos de medicamentos em quantidades vestigiais no salmão de aquacultura.

A longo prazo, não só vai-lhe deixar o corpo com uma resistência a medicamentos, bem como vai causar desde desregulações hormonais, como danos neurológicos.

Por isso, e pela sua saúde, previligie salmão de zonas frias, como Alasca, Noruega ou Russia, pois o salmão é um peixe vindo destas mesmas zonas.

Por fim, resta-me desejar bom apetite e que tenham gostado do vosso salmão com espargos assados tanto quanto eu gostei.

Se procura mais receitas, certamente que vai encontrar alguma que procura em: www.manualdasaude.pt/receitas/